Baixa Grande
08/01/2019 18:14:24
90

Paulo Ricardo
Baixa Grande / BA

Polícia prende suspeitos de matar médico que trabalhou em Riachão do Jacuípe


A Polícia Civil de Sergipe apresentou entre a tarde de sábado e manhã desta segunda-feira, 07, quatro suspeitos de participarem do latrocínio que vitimou o médico Iremar de Mecenas Silva, ocorrido na madrugada de 21/12/2018. O ginecologista que trabalhou em vários hospitais da Bahia, inclusive no Municipal de Riachão do Jacuípe dormia em sua casa na Praia da Costa, Município de Barra dos Coqueiros, quando foi golpeado na cabeça, falecendo no local. Os invasores saquearam a casa, subtraindo os objetos de valor que lá se encontravam.

De acordo com a Polícia Civil, as investigações se iniciaram e em menos de 48 horas a Derof já chegou à autoria delitiva. Otávio de Jesus Rocha, conhecido como Chuíco de 24 anos, foragido da Justiça por retirada de tornozeleira eletrônica, e José Ederaldo Honório Palmeira, conhecido como Deraldo, 33, ex-presidiário, foram identificados e tiveram suas prisões decretada pela Justiça.
Ainda segundo a Policia, todo o trabalho posterior foi feito para localização os investigados em parceira com a Dipol e a Rádio Patrulha da Polícia Militar – RP, sem as quais a prisão do Otávio e do seu irmão Ozenias de Jesus Rocha, conhecido como Bidi, 27 anos, não teriam ocorrido na tarde de sábado, 05/01. Bidi também é investigado pela prática do latrocínio e era também foragido da Justiça pela retirada de tornozeleira eletrônica.
Bidi foi preso no Bairro Industrial, escondido no telhado de uma casa. Chuíco foi preso no Bairro Rosa Elze, onde fez necessário montar um grande cerco policial por ter invadido por sobre telhados casas vizinhas para se esconder ao perceber a chegada da Polícia. Com ele foi apreendida uma arma de fogo de uso restrito, grosso calibre, artesanal, incorrendo, portanto, em flagrante de crime hediondo.
A equipe da Derof prendeu ainda Denis Silva Mota, 37 anos, também foragido pela retirada da tornozeleira e investigado por participação neste crime e, assim como os demais, por várias invasões a residências na Barra dos Coqueiros feitas pelo grupo.
A Polícia manteve o trabalho intensivo em busca de localizar o Deraldo, pedindo ajuda à população para sua localização através do 181,e na manhã desta segunda-feira, 07, o mesmo foi localizado e preso na cidade de Arapiraca no estado de Alagoas.
Fonte CN* Informações Polícia Civil

Comentários